Se tem algo que aprendi nestes anos suportando e criando produtos de tecnologia é que menos é mais.

Aqui vai algumas dicas valiosas que funcionaram para mim:

  • Se for desenvolver, escolha tecnologias padrões de mercado
  • Não caia na armadilha de achar que tecnologias de código aberto, ou soluções on premise significam “sem custo” ou “mais barato”
  • Terceirize atividades que não agregam valor para o produto

Se for desenvolver, escolha tecnologias padrões de mercado

Imagino que isso se repita em todos os setores de produção, mas a indústria de Telecomunicações em particular tem aversão a “última versão de software”. Ninguém quer pagar o pato de ser o primeiro a descobrir um novo bug enquanto há uma fila de clientes reclamando em todos os canais de atendimento.

Não me entenda mal, usar novas tecnologias é bastante empolgante e muitas das vezes pode até significar diferenciais para seu produto, mas softwares e tecnologias bem consolidados que todos estão usando é uma ótima aposta, terá ótimo suporte de empresas e fóruns no mercado e não te fará correr o risco de ser o primeiro a encontrar um bug que ninguém mais resolveu.

Código Aberto nem sempre é “sem custo” e On Premise nem sempre é “mais barato”

Então você fez o trabalho de casa, colocou suas opções numa matriz de decisão e escolheu um software aberto para implementar certas funcionalidades no seu produto, até levou em conta minha dica anterior e escolheu uma versão estável.

Você está levando em conta o custo de operar por si mesmo esse software?

Existe um abismo entre provar um conceito (PoC) para o cliente utilizando ferramentas Opensource e desenvolvimento interno com dois estagiários, 2 desenvolvedores full-stack, 1 especialista em sistemas Operacionais, 1 em redes de computadores é criar um ambiente de produção que esteja pronto para a carga de trabalho, com alta disponibilidade, segurança, em conformidade com LGPD, gerenciamento de Alarmes.

Muitas das vezes desenvolver internamente o produto requererá também atividades laterais como:

  • Criação de uma equipe de Operação e Suporte em tempo integral para monitorar a saúde do seu sistema
  • Manter o conhecimento original do desenvolvimento vivo entre sua equipe. O mercado de TI rotaciona muito as cadeiras, o conhecimento do time que implantou aquele software de código aberto persistiu a informação nas suas ferramentas de gestão de conhecimento.
  • E conforme o produto cresce e ganha escala, problemas acontecem, bugs aparecem. Quando você menos esperar verá que seu Squad de produto estará afogado em resolver problemas e pouco envolvido em desenvolver novas funcionalidades e novos valores para o produto

Terceirize atividades que não agregam valor para o produto

Se você chegou até aqui, essa dica talvez é chover no molhado, mas não quero ficar com a consciência pesada de não ter avisado.

Durante o processo de criação de seus produtos e conforme sua empresa vai evoluindo de uma Startup para uma Empresa de crescimento e por fim alcançando uma Empresa consolidada com um produto forte pode ser que seu time de tecnologia se perca pelo caminho.

Certifique-se que seu time não esteja em alguma dessas armadilhas:

  • O Backlog de atividades só possui Correções de Bugs e nenhuma Funcionalidade nova, que agregue valor ao produto
  • O Time passa mais tempo preocupado em implementar uma esteira de CI/CD perfeita que pensando em como entregar alguma coisa que o Cliente goste.
  • O time passa mais tempo preocupado em “instalar, manter e garantir” do que em “evoluir, criar e inovar”

Não me leve a mal, tudo isso é importante, e provavelmente consequência do desenvolvimento interno, mas isso é atividade indiferente para o seu Cliente. Você está mantendo um time de vários Engenheiros e Desenvolvedores na sua estrutura que deveria ser enxuta para criação do produto, depois falo sobre isso noutro tópico ocupados com atividades irrelevantes para aumentar o Valor percebido para os Stakeholders e os Benefícios para os clientes.

Terceirize esses serviços!

  • Terceirize a administração dos ambientes para empresas especialistas em suporte de código aberto
  • Terceirize até mesmo o desenvolvimento de funcionalidades para empresas especialistas em Fábrica de Software.

Foque seu time de alto desempenho apenas em AUMENTAR O VALOR do seu produto.

Espero que tenham gostado deste post e comentem suas experiência neste assunto.